domingo, 3 de janeiro de 2016

A carta que Dilma Roussef não recebeu.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Quem não pode atacar o argumento, ataca o argumentador." Paul Valéry